SEO Valderlei de Jesus

Dicas e estratégias avançadas de SEO em 2017.

Dicas e estratégias avançadas de SEO em 2017.

Com base nos dados do WordPress, existem 1,59 milhões de blogs publicados todos os dias. Isso apenas no WordPress. Estima-se que haja 2,5 a 3 milhões de artigos publicados todos os dias.

Se você é um desenvolvedor iniciante ou empresário que procura classificar seu negócio na primeira página do Google, nós o vamos ver como fazer isso.

→ O que é SEO.

1# A simpatia móvel é o supremo.

De acordo com o BGR, o uso da internet móvel ultrapassa o uso da área de trabalho pela primeira vez na história em 2016 e a tendência só vai se fortalecer.

O Google entende o quão importante é a experiência móvel para seus usuários e penaliza severamente os sites que oferecem um desempenho móvel ruim – não amigável – desagradável ao usuário.

Ao criar seu site, certifique-se de otimizar para dispositivos móveis, removendo itens que podem atrasar o tempo de carregamento me um celular e também atualizar o design e o layout da sua página web para que ele ofereça uma experiência móvel amigável ao usuário.

96,26% dos novos smartphones operam Android ou iOS. Otimize seu site / blog para estes dispositivos.

Dica acessível para SEO móvel.

Execute um teste do seu site no do Google Speed ​​e aprenda sobre estas duas coisas – a velocidade e a pontuação móvel do seu site. Ambos os números variam entre 0 e 100, com melhores pontuações sendo melhores experiências para o usuário.

 

2# Ao criar conteúdo, escreva sobre um tópico primeiro.

Para muitas indústrias / empresas, escrever sobre um tópico específico mostrará você como autoridade e profissional em sua indústria, e o Google adora a autoridade.

Ao iniciar um blog, sugerimos que você se concentre em um tópico de nicho e faça 80% de suas postagens iniciais sobre esse assunto específico.

Por exemplo, se você é uma empresa de restauração em casa, em vez de fazer seu primeiro punhado de posts de blog sobre todos os tópicos diferentes, como, uma publicação sobre drywall, uma postagem sobre restauração de pátio, uma publicação sobre reparação de danos causados ​​por inundações e uma publicação sobre pintura de casa, escolha um desses tópicos (por exemplo, pintura em casa) e faça quase todos os seus posts iniciais sobre esse tópico.

Os posts podem incluir coisas como: “Como pintar o interior de sua casa”, “Quais são as melhores marcas de tinta para o exterior da minha casa”, “Como misturar corretamente a tinta”, etc.

Concentrar-se em um tópico específico ajudará a apresentá-lo como um especialista nesse nicho, em particular, e será mais provável que você comece a classificar por uma infinidade de palavras-chave em relação ao seu tópico de nicho, bem como convidar uma audiência de usuários que buscam mais experiência em profundidade em seu assunto escolhido.

3# Aprenda sobre métricas de palavras-chave importantes.

  • Volume de pesquisa – Número médio de pesquisas por mês
  • Cliques por pesquisa – Quantos cliques médios por pesquisa
  • Dificuldade em palavras-chave – Uma pontuação de 0 a 100, com pontuações mais altas, sendo mais difíceis de classificar.

Tente descobrir o que essas métricas significam para sua empresa.

4# Texto âncora dos links de entrada.

Dentro da Ahrefs e das ferramentas para webmasters do Google, você tem acesso ao texto âncora dos links entrada de ligação de entrada, que mostra a popularidade de diferentes frases de texto âncora com base no número de backlinks apontando para o seu site.

Aqui está uma nuvem de âncora para uma das propriedades que analisa os fones de ouvido, Gráficos de fone de ouvido:

Com base neste exemplo, você pode reconhecer que 9% dos seus backlinks contêm o texto de âncora “fones de ouvido melhor do que batidas”, e isso faz sentido porque eles têm uma publicação popular em Gráficos de fone de ouvido literalmente chamados de fones de ouvido melhores do que batidas, um post que eles colocaram um Uma boa quantidade de tempo, e um pouco de esforço para construir.

Dados de classificação real (março de 2017)

Quando você vê sua nuvem de âncora e percebe que muitas das suas palavras-chave de âncora são irrelevantes ou não os tipos de palavras-chave que você deseja de potenciais clientes, então você precisará fazer atualizações para o portfólio de links do seu site para corrigir isso, incluindo a criação de conteúdo contendo as palavras-chave para as quais deseja classificar e, em seguida, certifique-se de criar backlinks importantes e fortes, compartilhando seu novo conteúdo em outros sites de alta qualidade.

5# Concentre-se no SEO de White-Hat, evite a compra de links.

Uma técnica de construção de link desatualizada e míope de black-hat centra-se em gastar dinheiro para comprar backlinks de sites nada confiáveis tentando vender soluções de “SEO fácil” para empresas que preferem gastar dinheiro em troca de melhores classificações do Google do que gastar tempo e energia para utilizar soluções reais de SEO.

O problema com esta estratégia é que o Google está ficando muito hábil em saber a diferença entre alta qualidade, backlinks orgânicos relevantes e de baixa qualidade, irrelevantes, tornando os links pagos não apenas inúteis, mas eles podem absolutamente impedir que seu site se classifique nas melhores posições do Google ou seja penalizado, causando grandes problemas para seu site, afundando-o como uma pedra dentro dos resultados de pesquisa do Google.

6# Use o software de SEO a partir do dia 1.

Se você vai colocar todo o trabalho duro necessário para criar um site de alta qualidade, é fundamental que você comece a monitorar seu site com análises avançadas a partir do primeiro dia.

Ferramentas de SEO gratuitas:

  • Google Analytics
  • Ferramentas do Google para webmasters (Search Console)
  • Google Optimize – A / B Testing (lançado no final de março de 2017)
  • Screaming Frog – interface feia, mas excelente ferramenta de auditoria de SEO on-page

Ferramentas pagas de SEO:

  • Ahrefs (a nossa ferramenta mais utilizada nos laboratórios de posicionamento)
  • SEM Rush
  • Moz
  • Screaming Frog (Conta paga permite rastrear mais de 500 páginas)

7# Diagnosticar e eliminar problemas técnicos no site / blog.

A maioria dos comerciantes da internet muitas vezes são ignorantes para as muitas questões que seu site tem em relação à forma como eles podem ser rastreados pelas aranhas do Google.

Projetar e codificar seu site / blog sem ênfase no SEO pode deixar o seu site em uma posição vulnerável, já que há quase que uma concorrência muito segura dentro de sua indústria, incluindo a concorrência que tem uma compreensão de SEO e já eliminou a maioria dos problemas em suas páginas, tornando-os mais autoritários aos olhos do Google.

Alguns exemplos de problemas que seu site pode ter (e muitas vezes podem ser facilmente corrigidos):

  • Páginas com meta títulos / descrições faltando
  • Imagens com falta de um atributo alt-text
  • Páginas com links quebrados (internos e externos)
  • Páginas com títulos muito longos
  • Múltiplas páginas com meta-informação duplicada
  • Páginas faltando declarações de idioma

8# SEO está constantemente evoluindo, continue seguindo as diretrizes do Google.

Nossas vidas como SEOs seriam muito mais fáceis se acreditássemos que podemos oferecer continuamente os mesmos serviços aos nossos clientes o tempo todo, para sempre.

No entanto, isso seria incrivelmente ingênuo e míope de nossa parte – assumir que podemos continuar sempre fazendo exatamente as mesmas coisas e esperando exatamente os mesmos resultados.

Abordamos em nossa introdução que o Google frequentemente atualiza seus algoritmos internos para criar melhores experiências para seus usuários, mas cabe aos especialistas em SEO conhecer e entender essas mudanças e saber como implementar novos serviços e técnicas em conformidade com a proposta do Google – oferecer a melhor experiência possível para o usuário.

9# Criar links de sites com conteúdo relevante.

Uma das melhores maneiras de reforçar a credibilidade do seu site é concentrar seus esforços na construção de links em sites que produzem conteúdo de alta qualidade relevante para sua indústria.

Não podemos enfatizar suficientemente que esse processo não é fácil e, infelizmente, não existe uma técnica mágica que automatize o processo.

Você tem se sentar e fazer o trabalho duro de encontrar oportunidades de backlink e fisicamente chegar aos administradores do site com a esperança de criar relacionamentos que possam gerar backlinks de qualidade no futuro.

10# Otimize seus títulos de posts.

Quando você insere uma pesquisa no Google e o Google lhe mostra a primeira página de resultados de pesquisa, você verá que cada resultado de pesquisa mostra um título para o link (em texto azul) e uma breve descrição da página diretamente abaixo.

Esse texto de título azul é oficialmente conhecido como seu Meta Title, e é de vital importância que você faça um bom trabalho de otimização desses títulos.

Os títulos com mais de 70 caracteres não serão exibidos completamente nos resultados de pesquisa, e isso não é muito profissional para os usuários que não podem visualizar todo o título.

11# Crie URLs fácil de ler / entender.

Um erro que muitos profissionais cometem involuntariamente é criar páginas com URLs muito longas e pouco amigáveis.

Isso geralmente é um problema que vemos nos sites do WordPress (embora certamente não estejam limitados aos sites WP), porque muitos sites oferecem uma configuração padrão onde o slug de URL é gerado automaticamente ao duplicar o título da página.

O Google gosta e sugere uma estrutura de URL simples. Das diretrizes de conteúdo do Google: “Sempre que possível, encurte os URLs cortando parâmetros desnecessários”. – Considerações de conteúdo do Google.

Você pode fazer isso facilmente nas configurações gerais do WordPress. Vá em configurações >> links permanentes:

12# Fique atualizado.

Esta não é apenas uma dica de SEO. Esta é uma DICA DE VIDA para qualquer pessoa no negócio.

Sempre mergulhe nas últimas notícias em relação à sua indústria e esteja atento a qualquer coisa – novos produtos, novas técnicas, novas tecnologias, etc., e escreva sobre eles assim que você se sentir confiante de que você tem algo valioso para adicionar à conversa.

Dica de atualização em SEO

 

Use o Google Trends para ver e quando as pessoas pesquisam por palavras-chave. Você pode até procurar palavras-chave ao longo de um período de 5 anos para ver o crescimento ou tendências de busca negativas.

Não é apenas ótima para as palavras-chave que lhe interessa, mas também mostrando as tendências em que o mundo se preocupa em tempo real. Ótima maneira de encontrar alguns tópicos e tendências em seu mercado.

13# Concentre-se em referenciar domínios, não apenas links.

Ao criar backlinks, não é importante apenas criar o máximo que puder de fontes de alta qualidade, também é importante mostrar ao Google que seu site está bem equilibrado em relação ao seu perfil de backlinks.

Lembre-se, há muitos outros tipos de links do que simplesmente os .coms – há .com, .org, .net, .gov, .edu e muitos mais, esses são os principais, e são referidos como domínios genéricos de alto nível (TLDs – top-level domains).

O seu perfil de TLD é levado em consideração pelo Google ao marcar o seu site, e os sites bem balanceados geralmente são bem-recebidos.

Por exemplo, um site que possui 5 backlinks .com, 5 .org, 5 .gov e 5 .edu dentro do seu perfil de backlinks parecerá autoridade para o Google e, portanto, provavelmente irá classificar mais do que um site similar que tenha 20 backlinks .com.

O segundo site no exemplo pode ter o mesmo total global de backlinks, mas eles não estão tão bem equilibrados como o primeiro site.

50 links de um domínio têm menos valor para SEO do que 3 links de 10 domínios de referência diferentes (total de 30 links de 10 domínios de referência). Esta é uma dica de SEO super esquecida!

14# Não esqueça sobre o Geotargeting.

Geotargeting é uma tática útil se você possui (ou representa) um negócio local, particularmente um com uma loja real. Na era móvel de hoje, as pessoas estão constantemente procurando por negócios em seus smartphones perto de onde estão nesse momento.

Os sites que indicam claramente sua localização geográfica têm a vantagem de serem listados em locais pesquisados ​​sobre aqueles que não tem.

Incluir a localização da sua empresa de forma clara e consistente no seu conteúdo da Web ajudará o Google a entender onde você está localizado e lhe dar vantagem sobre os concorrentes.

15# Dados estruturados aka Schema Markup (SERP 2.0).

Schema Markup (esquema de marcação) é uma tática poderosa para que seus resultados de pesquisa do Google apareçam mais profissionais e atraentes do que sua concorrência. Schema Markup é um código que você pode adicionar ao seu site, o que ajuda os motores de busca a retornar resultados mais informativos.

Confira este exemplo … Quando você procura “Stonewood Grill Menu”, você é apresentado como seu primeiro resultado:

O benefício é quando o Stonewood Grill atualiza o menu no site, as mudanças também serão exibidas no SERP acima (a imagem acima). Isso é rentável, pois o menu é mantido em um lugar online.

É também uma experiência melhor para o usuário que quer apenas mergulhar no menu.

Conclusão.

Em última análise, o SEO está mudando rapidamente de um ano para o outro – mesmo de um mês para o outro. Proprietários de empresas e comerciantes online têm de se adaptarem rapidamente, mas ainda é possível dar ao seu site comercial uma vantagem sobre sua concorrência.

Basta lembrar de se concentrar em fundamentos sólidos de criação de conteúdo e copywriting, envolver seus espectadores profundamente e ficar a par das tendências técnicas, como backlinks, saúde de SEO, velocidade do site e esquema.

Sobre o autor | Website

Olá, meu nome é Valderlei de Jesus, proprietário e administrador do blog. Sou autor do livro digital VOCÊ PODE SER RICO e também do livro A Filosofia do Sucesso, também digital. Sou o criador do blog Viver Com Prosperidade, o melhor blog de desenvolvimento pessoal do Brasil, com mais de 20.000 assinantes.

Coloque o seu melhor e-mail e junte-se aos mais de 11.276 leitores inteligentes!

100% livre de spam.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!