Marketing Digital Valderlei de Jesus

Lançando sua estratégia de mídia social.

Lançando sua estratégia de mídia social.

Uma estratégia de mídia social é mais do que apenas uma página do Facebook ou feed do Twitter. Quando executado corretamente, a mídia social é um motor poderoso de engajamento com o cliente e de geração de tráfego para o seu site / blog – seu negócio.

Simplificando, cada ação que você toma nas redes sociais deve ser parte de uma estratégia de marketing maior. Isso significa que cada post, resposta e comentário devem ser guiados por um plano que está dirigindo para o alcance dos objetivos de negócios.

Pode parecer complicado, mas se você tirar um tempo para criar uma estratégia abrangente de mídia social, o resto de seus esforços sociais devem seguir naturalmente.

Todo mundo pode fazer isso, se abordar corretamente as possibilidades da mídia social.

O panorama da mídia social tem evoluído nos últimos anos, então se você está entrando agora, você pode estar atrasado. Essa é a dura realidade. Mas ainda é sim, possível ter sucesso nas mídias sociais.

Como com qualquer estratégia de marketing, a abordagem é direta:

  • Identificar os canais sociais onde seu público-alvo está;
  • Solidificar sua marca com suas postagens – que informações vão ressoar com sua audiência nas mídias sociais?
  • Compreender com os canais sociais o melhor complemento do processo de otimização de conversão do seu site. Em última análise, seu objetivo é criar um fluxo constante de compradores.

Saiba o que um plano de marketing de mídia social deve incluir e siga nosso plano de seis etapas para criar o seu próprio plano de marketing.

Conheça suas redes sociais.

Lançando sua estratégia de mídia social.

Lançando sua estratégia de mídia social.

A mídia social é mais do que apenas uma página do Facebook ou feed do Twitter.

Aqui está um curso acelerado na variedade de canais sociais disponíveis:

FACEBOOK

  • Uma rede social extremamente vibrante e focada no consumidor.
  • As pessoas usam fortemente para manter contato com amigos e familiares.
  • Integrações de aplicativos como jogos.
  • Alto engajamento.
  • As páginas de fãs são integradas aos feeds de notícias.
  • Soluções de marketing gratuitas e pagas.
  • Oportunidades patrocinadas.
  • Forte desempenho na rede de anúncios para dispositivos móveis.
  • Rico em multimídia.
  • Controlador de tráfego viral.
  • Consumidores excepcionalmente críticos sobre segmentação de anúncios e banners.

As pessoas não gostam de ser atingidas na cabeça com um arremesso de vendas no Facebook.

TWITTER

  • Plataforma de micro-blogging para distribuição rápida e eficiente de informações.
  • A força está na comunicação de forma curta – rápida. Os usuários do Twitter são mestres de informações de condensação em espaços curtos.
  • ‘Hashtags’ são importantes para descobrir e participar de novas conversas.
  • Ênfase forte em conexões e conhecer novas pessoas.
  • Plataforma de anúncios.
  • Plataforma poderosa para entregar uma mensagem artística.
  • Mensagens curtas podem às vezes complicar ou banalizar a comunicação em profundidade.

A plataforma de anúncios pode ser limitada na distribuição de tráfego na Web. Pode ser mais forte para branding (mas você precisa testar e ver por si mesmo).

PINTEREST

  • Placa de pin virtual para curar seus tópicos favoritos.
  • Pode ser uma fonte tráfego de referência extremamente poderosa.
  • Forte inclinação para o enfoque demográfico feminino.
  • Formato visualmente atraente e amigável.
  • Oportunidade para que a comunidade compartilhe e salve produtos que eles amam.
  • Pode ser um meio de marketing desafiador para marcas não visuais.

A autopromoção é uma grande falta no Pinterest.

QUORA

  • Motor de perguntas e respostas.
  • Audiência de empresários, profissionais de marketing, engenheiros e estudantes.
  • Comunidade genuinamente curiosa e inteligente.
  • Oportunidade de promover e obter distribuição para postagens no blog.
  • Incrível oportunidade para pesquisar temas em profundidade e aprender mais.
  • Conexões 1: 1 podem ser difíceis de alcançar.

O Quora requer dedicação de tempo e esforço.

LINKEDIN

  • Maior rede social business-to-business.
  • Projetado para networking e fazer novas conexões.
  • Alcance 1: 1
  • Inteligência de mercado.
  • Recrutamento de funcionários.
  • Variedade de soluções de canal pago.
  • Grupos baseados em interesses.
  • Alguns profissionais não utilizam constantemente o LinkedIn.
  • A publicidade no LinkedIn é relativamente cara.

Não é recomendado “pulverizar” estranhos com mensagens.

YELP

  • Plataforma de revisão de clientes para plataformas de tijolo e argamassa.
  • Soluções publicitárias disponíveis.
  • Oportunidade de se envolver diretamente com os clientes.
  • Significativo motor de referência boca a boca.

Algumas pequenas empresas acham que a plataforma de publicidade de canais pagos é muito agressiva.

YOUTUBE

  • A maior rede de vídeos do mundo.
  • Importante condutor de tráfego de referência.

13 táticas para ser bem-sucedido nas redes sociais.

13 táticas para ser bem-sucedido nas redes sociais.

13 táticas para ser bem-sucedido nas redes sociais.

1# Resistir à pressão

Há uma enorme pressão para que as empresas desenvolvam uma presença na mídia social. Sentindo a crise, as empresas simplesmente, irão entrar.

Esta abordagem pode leva um tempo significativo e algum dinheiro. A mídia social é exatamente como qualquer outro canal de marketing, uma vez que requer uma estratégia ponderada, baseada em ROI. Não pule.

2# Escolha as redes certas para você

Sem Facebook? Sem problemas.

Desenvolva uma presença nas redes sociais que se alinham mais fortemente com sua base de clientes e sua marca.

Não sinta que você precisa soltar seis números numa presença no Facebook, onde seus clientes já estão de saída.

Lembre-se que a mídia social é, em seu coração, um canal de distribuição.

Para espalhar a palavra sobre sua marca, você absolutamente precisa de uma audiência.

3# Comece com os seus clientes

Para que as pessoas sigam você, você precisa seguir seus clientes. Escolha redes sociais que se alinham mais fortemente com onde seus clientes já estão. Se você estiver administrando uma organização B2B, por exemplo, a participação em grupos de discussão do LinkedIn é uma consideração inteligente.

Se você estiver administrando um site de publicação, é fundamental que você atue no Twitter, uma vez que o público sempre tweeta e re-tweeta através deste canal.

Um site de comércio eletrônico, por outro lado, pode ver resultados mais fortes no Facebook (ou seja, a menos que sua base de clientes esteja ativo no Twitter).

Realmente depende das preferências de seus clientes, navegação na Internet, padrões e demográficos. Para Woot.com, por exemplo, faz sentido para eles executar um feed Twitter, uma vez que o site é especializado em ofertas diárias.

Em caso de dúvida, execute um estudo de pesquisa informal. Basta perguntar.

4# Invista na construção de uma comunidade

As comunidades on-line agregam valor sob a forma de exposição e distribuição. É provável que uma parte dos seus fãs e seguidores se converta em clientes pagantes e recorrentes.

Quando você investir na construção de sua mídia social seguinte, você está investindo na distribuição.

Concentre-se em construir sua base de fãs pedindo que seu público se torne um fã ou seguidor para ler o resto de seu conteúdo.

Assim como o marketing por e-mail, é importante para construir o seu seguidor organicamente. Quando o público optar por se tornar um fã, eles são mais propensos a se envolver com sua marca em uma base contínua.

Seja respeitoso ao recrutar fãs e seguidores. Algumas pessoas simplesmente não vão querer seguir suas redes sociais ou se inscreverem em uma lista de e-mails.

Certifique-se de que há uma oportunidade para eles não se inscreverem ou saírem quando tiverem vontade. Inclua um link “Não Obrigado”.

Você vai querer marcar o cookie de seus leitores para se certificar de que depois que eles veem o convite uma vez, eles não o fazem novamente.

Esta estratégia pode ajudá-lo a dobrar sua mídia social seguinte – que pode facilmente evoluir em 30% a 40% do tráfego global do seu site.

5# Construa sua lista de e-mails nas mídias sociais

Use uma ferramenta como LeadsZapp Pro para coleta leads em sua página do Facebook. Estas formas de geração de leads têm o potencial de alcançar taxas de conversão muito mais elevadas do que fazer fora do Facebook.

Outra abordagem é coletar endereços de e-mail através do Facebook Connect:

Espere pagar R$ 0,25 a R$ 1 por endereço de e-mail coletado. Se sua estratégia de e-mail marketing está bem integrada com suas metas de conversão, você deve ser capaz de trazer o seu dinheiro de volta relativamente rápido.

Uma lista de e-mail é algo com valor a longo prazo. Toda vez que você tem um novo produto ou anúncio, você pode imediatamente promover para sua lista.

6# Os horários perfeitos para suas mensagens

Obviamente, uma postagem no Facebook às 2 da manhã, pode ser, improvável que obtenha muitas visualizações.

Além do óbvio, no entanto, é importante prestar atenção às nuances de sincronismo de suas mensagens.

Use ferramentas de mídia social gratuitas de simples medição para medir o tempo de Tweets e atualizações de status, para saber o melhor tempo para postar. Poste quando o público estiver mais propenso a se envolver com seus sites sociais.

Veja este infográfico do Viver de Blog.

7# Sincronização com grande conteúdo

As mídias sociais e o marketing de conteúdo andam de mãos dadas. Quando as pessoas estão navegando em seus feeds do Facebook e do Twitter, elas não estão necessariamente no clima para comprar. Elas querem ser sociais, compartilhar com os amigos, se conectar com a família, procurar fotos e relaxar.

Tanto quanto você quer vender, seu conteúdo não deve. A chave é construir relacionamentos de audiência em seu lugar. As pessoas fazem rir. Capture seu interesse. Seja uma marca que também seja um amigo. Compartilhe conteúdo, não produtos. Lembre-se que as pessoas são emocionais e querem se divertir.

E sim, isso às vezes significa compartilhar um meme ou dois.

Promova conteúdo além do seu. Cura conteúdo da comunidade e compartilhe o que é mais relevante para seus amigos e seguidores.

8# Condução a navegação

Assim que o público navegar pelo seu conteúdo, certifique-se de conectá-lo com mais conteúdo e conteúdo da melhor qualidade. Esta estratégia é especialmente importante para os vídeos do YouTube.

Obtenha mais visualizações de vídeo ao terminar o vídeo com outro. Você precisará de um editor de vídeo para criar essas modificações.

9# Realização de eventos online

Esta estratégia pode ajudar a construir lealdade e engajamento. Organize tweets para ajudar a responder às perguntas mais prementes dos seus fãs.

Outras ideias incluem webinars e realização das lives do Facebook para ajudar as empresas a se conectarem umas com as outras e com as pessoas.

10# Conversações

Seja social. Junte-se a Quora e grupos de discussão do LinkedIn para criar confiança e conscientização sobre sua marca. Se alguém fizer perguntas relacionadas ao seu produto, forneça uma resposta.

Se sua empresa pode resolver um problema específico, certifique-se de que a comunidade saiba.

11# Faça as perguntas

As conversas vão em ambos os sentidos. Faça perguntas tanto quanto você está transmitindo mensagens. As perguntas podem ajudá-lo a entender melhor seus clientes – seu público e mostrar o quanto você se importa.

Realizar inteligência de mercado, aprender o que as pessoas pensam de seus produtos e / ou serviço é importante.

Esta abordagem também pode ajudá-lo a criar um brainstorm de tópicos relevantes para o seu marketing de conteúdo, blogs ou estratégia infográfica.

12# Capture a atenção do público com imagens atraentes

As pessoas não querem ler pedaços de texto longos. Elas querem imagens fáceis de escanear, que chamam atenção. Seja criativo, e não tenha medo de ser engraçado – mesmo se você estiver um pouco fora de sua marca. Só não seja chato.

13# Analise o sucesso do seu conteúdo

Como qualquer canal de marketing, o ROI de mídia social deve ser medido e rastreado. Certifique-se de segmentar seus dados por tipo de post (conteúdo vs. negócios vs. produtos) e manter o controle de seu valor de usuário de longo prazo.

Com as mídias sociais, as conversões são muito menos prováveis ​​de serem diretas.

A viralidade é outra métrica que você deve observar. Quando as pessoas compartilham seu conteúdo com seus fãs e seguidores, sua empresa recebe marketing gratuito. Esta exposição tem valor quantificável.

Normalmente, métricas de ROI de mídias sociais se enquadram nas seguintes categorias:

CHAMADAS CHAVE

  • Escolha canais sociais que se alinhem com seu público-alvo.
  • Não se sinta obrigado a lançar perfis de redes sociais que estejam desalinhados com a sua marca.
  • Rastrear resultados para que você possa fazer otimizações e melhorar continuamente o desempenho.
  • Monitorar métricas relacionadas à viralidade, engajamento, leads e conversões e custos.
  • As ações e re-tweets são extremamente valiosas porque geram exposição gratuita para sua empresa.
  • Incentive os usuários a compartilhar seu conteúdo implementando (e testando o posicionamento de) widgets de compartilhamento social.
  • Seja o mais visual possível. As pessoas não gostam de ler blocos gigantes de texto.
  • Lembre-se de que as pessoas nas mídias sociais não estão necessariamente na mentalidade de comprar. Elas estão procurando conectar-se com amigos, sincronizar-se com a família, procurar fotos e descobrir mídia divertida.
  • Integre sua estratégia de mídia social com seu programa de conteúdo de marca. O conteúdo é um poderoso driver de tráfego de referência.

Sobre o autor | Website

Olá, meu nome é Valderlei de Jesus, proprietário e administrador do blog. Sou autor do livro digital VOCÊ PODE SER RICO e também do livro A Filosofia do Sucesso, também digital. Sou o criador do blog Viver Com Prosperidade, o melhor blog de desenvolvimento pessoal do Brasil, com mais de 20.000 assinantes.

Coloque o seu melhor e-mail e junte-se aos mais de 11.276 leitores inteligentes!

100% livre de spam.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!