SEO Valderlei de Jesus

As melhores técnicas de otimização de SEO ON-Page.

As melhores técnicas de otimização de SEO ON-Page.

Aprenda agora as melhores técnicas de SEO ON-Page. Deseja tornar a sua publicação segmentada por palavras-chave, SEO otimizado e pronto para atrair mais tráfego?

Você gostaria de tornar mais fácil para os motores de busca entender quais palavras-chave para o qual seu blog deve classificar?

Quando se trata de otimizar um site ou uma postagem de blog, existem dois fatores principais em jogo:

  1. Otimização On-page
  2. Otimização Off-page

Este tópico se concentrará na otimização on-page bem como fora da página, nas muitas técnicas de SEO on-page que você deve implementar ao trabalhar na otimização de suas postagens no blog.

Por que você precisa de otimização on-page?

Quando fazemos otimização de SEO de uma publicação, seguimos um determinado conjunto de métodos comprovados para classificá-lo mais alto em um mecanismo de pesquisa – nomeadamente, o Google.

Agora, o Google não considera apenas a pontuação de SEO on-page ao classificar um artigo. Ele também leva em conta muitos outros fatores como sinais de mídia social (compartilhamentos, gostos, tweets, seguidores, etc.), backlinks, autoridade de domínio e muitas outras métricas fora da página.

Nosso objetivo com SEO on-page é otimizar um artigo de forma natural, mas inteligente, para que os mecanismos de pesquisa possam facilmente escolher a palavra-chave alvo e trazer os visitantes direcionados para o nosso site.

Antes de alguns truques específicos, aqui estão algumas coisas não-técnicas que você pode incorporar hoje:

1# Melhorar a experiência do usuário.

Certifique-se de que seu site seja responsivo e os links quebrados estejam reduzidos ao mínimo.

2# Certifique-se de que os leitores provenientes dos motores de busca passem muito tempo no seu site.

Se seus leitores clicam no botão VOLTAR rapidamente, sua classificação também diminuirá rapidamente.

  • Certifique-se de que seu site está mantendo um padrão de profissionalismo.
  • Use técnicas de copywriting adequadas para manter as pessoas interessadas.

3# Crie um bom conteúdo.

  • Tente usar sub-cabeçalhos orientados a benefícios para ser mais envolvente.
  • Não escreva enrolação – conteúdo vazio, apenas para ter conteúdo no site / blog.
  • Procure feedbacks e melhore.

As melhores técnicas de otimização de SEO ON-Page.

As melhores técnicas de otimização de SEO ON-Page.

As melhores técnicas de otimização de SEO ON-Page.

A seguir estão os 10 fatores de otimização on-page que você deve ter em mente ao otimizar suas postagens no blog.

1# Título do post

Você deve tentar usar a palavra-chave ou a frase-chave logo no início do título (H1), mas, se isso não for possível, certifique-se de que a palavra chave esteja, pelo menos, em algum lugar do título.

Você também não deve repetir a mesma palavra-chave mais de uma vez no título só porque você acha que ajudará a classificação do artigo nos mecanismos de busca. Não vai. Mas, pode realmente prejudicar sua classificação. Não faça isso.

E mantenha o comprimento do título para menos de 65 caracteres.

2# Estrutura do Link do post

Certifique-se de que seu URL seja exibido corretamente. Esta é uma importante métrica na página. Novamente, você deve usar sua palavra-chave alvo no URL e evitar o uso de caracteres especiais, símbolos, vírgulas, etc. dentro do URL real.

Use traços para diferenciar as separações na sua estrutura de URL. Estes são chamados de permalinks “bonitos” e são suportados pela maioria dos navegadores da web.

Exemplo de um bom permalink: http://valderleidejesus.com/ideias-para-ganhar-dinheiro/

3# Tags de cabeçalhos

Você deve usar tags de cabeçalhos para destacar vários títulos, subtítulos e pontos importantes.

No WordPress, a marca do título é definida em H1. Você realmente não precisa usar mais tags H1 em qualquer parte do artigo (e não deve). Um é suficiente. Para quebras de seção, fique com as marcas H2 e H3.

Além disso, não use demasiadas tags H2 ou H3, pois os algoritmos do Google não gostarão disso. Use apenas o suficiente para apresentar seu texto com clareza e de forma agradável ao leitor.

4# Densidade de palavras-chave

Você deve manter a densidade de palavras-chave em torno de 1,5% por cento com uma mistura de palavras-chave LSI.

Use sua palavra-chave principal uma vez no primeiro parágrafo e novamente no último parágrafo. E use-o no conteúdo onde fizer sentido.

Não tente encher seu texto com palavras-chave numa tentativa desesperada para classificar nas buscas. Isso não funciona mais.

5# Meta Tags

Você deve adicionar uma descrição de meta única e relevante com cada publicação no blog.

Novamente, você deve usar sua palavra-chave direcionada para uso na descrição de meta, mas não faça spam de sua descrição.

Enquanto os motores de busca pegam palavras-chave, também é importante para os usuários clicarem na publicação.

Você precisa escrever meta descrições amigáveis que fazem sentido e estão relacionadas à sua publicação.

No que diz respeito às palavras-chave meta, o Google deixou claro que eles não se preocupam com elas. Mas alguns motores de busca, como Bing, ainda podem se importar um pouco.

6# Imagens

A otimização de imagens ajuda muito na direção do tráfego de buscas de imagens. Palavras-chave no “título da imagem” e no “texto alt” ajudam a tornar a sua publicação no blog mais focada e direcionada.

Mas há um ponto muito importante a ser observado. Imagens grandes irão diminuir o tempo de carregamento do seu site, e ter um site de carregamento lento diminuirá seu ranking do Google. Então, é muito importante:

  • Comprimir imagens.
  • Use um plugin de cache.
  • Use um CDN.

7# Contagem de palavras por postagem

As postagens de blog que não têm muitas palavras normalmente não funcionam bem nos motores de busca. Isso acontece porque, geralmente, estes posts são vistos como sendo “menos informativos”.

Claro que há exceções, mas para um blog baseado em informações, geralmente, criar postagens com pelo menos 500 palavras é bastante padrão (é recomendado mais).

É sempre melhor que seu conteúdo seja bem pesquisado e excessivamente informativo do que não fornecer informações suficientes. Isto é especialmente verdadeiro se você estiver direcionando palavras-chave altamente competitivas.

Sugestão: analise outras postagens para a sua palavra-chave alvo e veja quantas palavras elas têm.

Em torno de 1.800 palavras (atualmente) é o recomendado para posicionar bem no Google.

8# Ligação interna

Coloque links para posts relacionados do seu blog dentro de suas postagens de blog. A interligação das postagens do blog ajudará os leitores do seu blog a passar mais tempo no seu blog, e também ajudará a passar o ranking da página para outras páginas do seu site.

Quando estiver interligando, tente usar uma palavra-chave como texto de âncora, mas tenha muito cuidado para não exagerar.

9# Ligação externa

Ao linkar para sites externos, você deve vincular apenas a sites confiáveis. E se você tiver dúvidas sobre a autoridade ou a popularidade de um site, você pode usar uma tag de nofollow para evitar passar o seu link juice para sites potencialmente ruins.

Você deve usar links dofollow para sites confiáveis ​​e links nofollow para aqueles que são menos confiáveis.

Mas, em algum lugar autoritário como a Wikipedia, ou a CNN, ou um jogador importante em seu nicho, não só será confiável, provavelmente terão conteúdo relevante que seus leitores vão adorar. Isso fará com que seu site pareça mais credível.

10# Escreva conteúdo envolvente

Se você está tentando ranquear com conteúdo de baixa qualidade e “truques”, você certamente falhará.

Sua postagem deve ser um manual completo para uma palavra-chave. Você deve aprender a envolver seu público de uma maneira que funciona para eles. Tente fazer perguntas aos seus leitores e respondê-los.

Compreenda o que eles querem ler e depois escreva sobre isso – de forma mais completa e atraente possível.

Conclusão.

Então, estas são as 10 dicas que ajudarão você a tornar seu SEO on-page muito melhor e mais propício para se classificar nos motores de busca.

As coisas que se classificam mais alto nas buscas são as coisas mais informativas, as mais interessantes e as mais úteis. Então, lembre-se de criar conteúdo que os leitores adorem, e os motores de busca também o amarão.

Sobre o autor | Website

Olá, meu nome é Valderlei de Jesus, proprietário e administrador do blog.
Sou autor do livro digital VOCÊ PODE SER RICO e também do livro A Filosofia do Sucesso, também digital.
Sou o criador do blog Viver Com Prosperidade, o melhor blog de desenvolvimento pessoal do Brasil, com mais de 20.000 assinantes.

E-book Ideias Dinheiro!

Aprenda passo-a-passo como ganhar dinheiro trabalhando a partir de casa.

100% livre de spam.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

1 Comentário